Eletroestimulador compex e o Cabo-MI

Mi Range. Selecione a intensidade adequada para a massagem

Falamos que as massagens com eletroestimuladores é preciso aplicá-los a uma intensidade moderada, que não nos doam e que sejam agradáveis. Que a finalidade de uma massagem é que nos deixe boas sensações ali onde se aplica; pernas, cervical, lombar…

Também comentei que para que um treino de eletroestimulação seja eficaz, é necessário aumentar a intensidade para recrutar o máximo de fibras possíveis. Que de pouco servirá um treino com eletroestimulador se não aumenta a intensidade.

É importante ter clara a diferença entre “MASSAGEM” e “TREINO

MASSAGEM: Para recuperar as boas sensações.

TREINO: Para melhorar a forma física.

Após todo este tempo a partilhar a minha experiência com vocês, ainda encontro algum amigo de EletroEstimulação Desportiva que faz as massagens a 250.

Isto acontece devido a acreditarmos que se as contrações não são potentes, a massagem não está a ser eficaz.

O objetivo da massagem é acelerar a recuperação, bombear o sangue e devolver ao músculo eletroestimulado as boas sensações. Se aplicarmos uma massagem a elevada intensidade, por exemplo nos quadríceps acima de 100 microculombios, não estaremos a facilitar o bombeio de sangue para que os nutrientes cheguem à zona e a recuperem antes, mas sim estaremos a efetuar pequenas contrações que, em vez de relaxar o músculo, vão fazê-lo trabalhar muito mais. Desta maneira, se a sua finalidade por exemplo é eliminar uma contratura e aplicar uma massagem a 150 microculombios, posso assegurar-lhe que o que está a conseguir é consolidar e impedir que esta se desfaça, estando mesmo a fomentar a criação de novas contraturas no músculo eletroestimulado.

Alguns eletroestimuladores por exemplo de Compex, veem providos de cabo Mi e uma das suas funções é a de orientá-lo até onde tem que dar intensidade para que a sua massagem seja eficaz. Depois de digitalizar para averiguar a cronaxia, o eletroestimulador sugere-lhe uma zona de trabalho na qual é seguro realizar a massagem. Acima dessa zona estará a passar, e abaixo não estará a fazer nada. A esta tecnologia Compex chama-se “MI RANGE

Se o seu eletroestimulador não tem essa função, não se preocupe porque é tão simples como utilizar o senso comum. Cada vez que aplicar uma massagem, aumente a intensidade até que as sensações sejam agradáveis. Assim que chegar a esse ponto fique aí e não suba mais. LEMBRE-SE QUE A MASSAGEM NÃO TEM DE LHE DOER, TEM QUE SER CONFORTÁVEL.

Uma massagem de eletroestimulação que dá potentes contrações não é uma massagem, é quase um treino.

Aqui partilho um vídeo consigo no qual lhe explico como funciona o “MI RANGE” e por que é que em alguns programas de eletroestimulação sai e noutros não. Está em Espanhol. Se não o entende bem, escolha as legendas em Português por favor.

Seja Feliz

Pedro García